Fábio Dias
03/12/2019
Garça 

RECORDAR É VIVER -  Eder Jofre: Um campeão mundial em Garça

Hoje a coluna presta homenagem ao esportista Eder Jofre, o maior boxeador brasileiro de todos os tempos.

Anúncio

Hoje a coluna presta homenagem ao esportista Eder Jofre, o maior boxeador brasileiro de todos os tempos. Uma verdadeira lenda do box mundial. Um campeão que no final dos anos 60, visitou Garça e disputou uma partida de futebol. O interessante amistoso foi disputado no antigo Campo de Vila Williams (se fosse hoje em seria bem em frente do Hospital São Lucas). O jogo reuniu a seleção de veteranos de Garça x Amigos de Eder Jofre, e levou muitos torcedores no campo, para ver esta lenda do boxe. Só não conseguimos saber o resultado do prélio. Conversei com alguns torcedores que estiveram, e me falaram que Eder Jofre como jogador de bola, é um craque no boxe. Veja a seleção garcense, com o são-paulino Eder Jofre, na foto que ficou para a posteridade. Em pé da esquerda para direita: Osvaldo Leal (dirigente), Alcides Vaz, Roberto, Hagop Meguerditchian, Erônides José Barbosa, João Alexandre Colombani, Scuráchio, Edgar Alves, Nelsinho Semenssato, Vivaldo Cury (dirigente), José Luiz Costa (dirigente) e Cecí; Agachados: Nenê Ferrari, Alcides Rizi, Irineu Palmeira, Acácio Falcão, Éder Jofre, João Trinca, Hélder "Alemão" Bosque, Valter “Palmital” Garcia e Daniel Berno.  No outro flagrante, o ídolo do boxe, posando com alguns jogadores que participaram do memorável jogo: Em pé: Acácio, Eder Jofre e Irineu Palmeiras; agachados: Edgar e Alcides Rizi.

                 

CARREIRA x HOMENAGEM: Assim como Pelé está para o futebol brasileiro, Éder Jofre está para o boxe. Dificilmente surgirá um outro atleta completo como ele, e quem sabe superar os seus feitos. Eu penso que não. Eder Jofre teve uma trajetória vitoriosa, que começou a ser reconhecida mundialmente, no dia 18 de novembro de 1.960, na cidade Los Angeles (USA). Numa luta histórica derrotou o até então imbatível mexicano Eloy Sanches, no 6º round, por nocaute técnico, e conquistou de forma categoria, o cinturão de ouro da AMB –Associação Mundial de Boxe.

O “Galo de Ouro”, como ficou conhecido, ainda conquistaria outro título mundial, agora na categoria "peso-pena” do CMB – Conselho Mundial de Boxe, após vencer o cubano José Legrá, no dia 05 de maio de 1.973. Tempos depois anunciava sua aposentadoria dos ringues, com um cartel invejável na carreira: 81 lutas, 77 vitórias, sendo 50 por nocautes, 2 empates e duas derrotas (os dois contestados combates para o japonês Masahiko Harada). No ano de 1.992 passou a integrar o Hall da Fama do Boxe. Eder Jofre sempre será lembrado como uma das maiores lendas do boxe mundial, sendo ídolo até de gigantes dos ringues como Mike Tyson, como o próprio americano admitiu uma vez em conversa com o ex-piloto brasileiro Emerson Fittipaldi. Recentemente o Conselho Mundial de Boxe (WBC) reconheceu Eder Jofre como primeiro campeão mundial dos pesos-galos da entidade. Na convenção anual do Órgão, realizada em Cancún (MEX), o brasileiro recebeu o cinturão (foto). A entidade baseou sua decisão na vitória de Eder sobre Katsutoshi Aoki, no Japão, em abril de 1963. 

Com o novo cinturão, Eder Jofre possui agora três títulos mundiais na carreira: o título dos galos pelo Conselho Mundial de Boxe, o cinturão peso-galo da Associação Mundial de Boxe (WBA), conhecida anteriormente como Associação Nacional de Boxe (NBA), conquistado ao derrotar Eloy Sanchez, no dia 18 de novembro de 1960, na Califórnia (EUA). Além dos títulos no peso-galo, Eder foi campeão peso-pena, também pelo Conselho Mundial de Boxe (WBC). A lenda do boxe - que teve seu nome incluído no Hall da Fama em 1992 - conquistou o cinturão ao derrotar o cubano José Legrá, no dia 5 de maio de 1973, em Brasília.

De outro lado, a secretaria municipal de Esportes e Lazer de São Paulo também homenageou o ex-pugilista Eder Jofre pela sua brilhante carreira, em evento que aconteceu na quadra do Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa. Detentor de três títulos mundiais, o Galo de Ouro se tornou o primeiro nome a integrar o Hall da Fama do Esporte da cidade de São Paulo. E o que é mais importante: homenagens em vida!!!

Fotos do Evento


Comentários

Nota Importante: O Portal Garça Online abre espaço para comentários em suas matérias, mas estes comentários são de inteira responsabilidade de quem os emite, e não expressam sob nenhuma circunstância a posição/opinião oficial do Portal ou qualquer de seus responsáveis em relação aos respectivos temas abordados.