Lucas Dias
26/11/2019
Garça Esporte 

São Paulo, do Marquinhos Comandini é Campeão Paulista/ SUB-13- Por: Tico Cassolla

 Se tem futebol e garcense envolvido na disputa, lá vamos nós pro jogo, não importa onde é o prélio.

Anúncio

Se tem futebol e garcense envolvido na disputa, lá vamos nós pro jogo, não importa onde é o prélio. Foi o que aconteceu na manhã do último domingo. Recebemos o convite do corintiano/professor Ednalvo Cardoso de Andrade, e rumamos para o Estádio Municipal Bento de Abreu Sampaio Vidal, o “Abreuzão”, na cidade de Marilia, para assistir a final do campeonato paulista de futebol - categoria sub-13. De um lado, o time anfitrião, o MAC, e do outro o glorioso São Paulo FC., que tem no seu elenco o “craque” Marquinhos Comandini, com raízes em nossa cidade. 

E vimos um campo com bastante torcedores, colorido, todo festivo e com muitas bandeiras do MAC. Um ambiente gostoso repleto de famílias, um publico bem jovem e acima de tudo respeito. A torcida uniformizada do São Paulo ficou na parte das gerais, e pode torcer tranquilamente, e depois festejar o titulo ainda no campo (fotos site do São Paulo).

Quanto ao jogo, por mais que o Maquinho lutou bravamente em busca da vitória, não teve como segurar o ótimo time do São Paulo. No primeiro jogo, realizado no domingo anterior, no Estádio José Liberatti, em Osasco, o tricolor venceu por 3 a 2, gols de Nicolas, Giovani e Davi. Para o MAC, descontaram Hugo e Roberto. Portanto, um simples empate já dava o título ao tricolor do Morumbi.

Precisando vencer, o Maquinho desde os minutos iniciais, procurou jogar de forma mais ofensiva, em busca do resultado positivo. Ganhar para levar a decisão nas cobranças de penalidades. O São Paulo atuava de forma mais cautelosa, com uma defesa bem postada, o que dificultava as finalizações do Marília. Num contra ataque o São Paulo abriu o placar. O lateral Nicolas foi na linha de fundo, e cruzou para rasteiro para o centroavante Thierry Henry (o nome é de craque), que com um leve toque, tocou a bola para as redes. 

No segundo tempo, o São Paulo continuou soberano em campo, controlando uma possível reação do MAC. No mais foi só esperar o apito final do árbitro para comemorar a vitória e o titulo da categoria.
A campanha do São Paulo foi esta: 19 jogos,  com 14 vitórias, 2 empates e 3 derrotas. Foram 56 gols marcados e 18 sofridos. Foi a primeira conquista do São Paulo nesta categoria, que é promovida pela Federação Paulista de Futebol desde o ano de 2.008. A bonita premiação foi realizada logo após o encerramento do jogo, num clima de alegria e também choro da garotada,   futuros craques do futebol brasileiro.  


MARQUINHOS: Muito embora, o Marcos Vinicius Comandini Rodrigues, não é garcense de nascimento (é natural de São José dos Campos/SP), suas raízes são todas em Garça, onde reside a grande maioria da tradicional família Rodrigues. 

O Marquinhos integra a categoria de base do São Paulo há três anos, e segue firme para se tornar um atleta profissional. Dedicação e futebol para isto ele tem. Tudo será uma questão de tempo.

E “pedigree” é o que não lhe falta, pois o DNA tá no sangue, de uma família que sempre teve bons jogadores. O pai Marquito, jogou no Flamengo e Ipiranga (campeão amador em 1.993), clubes amadores de Garça. O tio Lolinha também foi destaque no amador, um grande ponta direita. E o outro tio, o Pedrinho, atualmente nos Piors (futebol suíço), um goleador nato em todos os times que passou.


 

Fotos do Evento


Comentários

Nota Importante: O Portal Garça Online abre espaço para comentários em suas matérias, mas estes comentários são de inteira responsabilidade de quem os emite, e não expressam sob nenhuma circunstância a posição/opinião oficial do Portal ou qualquer de seus responsáveis em relação aos respectivos temas abordados.