Lucas Dias
14/06/2019
Região 

Unesp integra Conselho de Ciência, Tecnologia e Inovação de Bauru

Posse dos membros ocorreu no último dia 7, na cidade paulista; grupo definirá políticas públicas para inovação

Anúncio

A Universidade Estadual de São Paulo (Unesp) é integrante do Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação de Bauru. No último dia 7, uma cerimônia no município do interior paulista marcou a posse dos membros do grupo.

Vale destacar que o evento teve a presença do ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes, que é natural da cidade, além do diretor da Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação (Faac), Marcelo Carbone Carneiro. O professor é um dos membros do conselho eleito para representar as instituições públicas de Ensino Superior do município.

“O conselho tem um papel fundamental porque define políticas públicas sobre inovação. A participação da Unesp foi decisiva. Existe uma equipe na Faac trabalhando para a construção de ambientes de inovação. Criamos o centro de inovação e há espaços internos para estruturar essa discussão”, afirma o diretor à TV Unesp.

“Temos um conjunto importante de universidades no município. São mais de nove instituições gerando ciência e tecnologia. A vinda de um conselho como esse possibilita integrar isso para transformar em práticas e ações importantes para mudar a vida das pessoas”, afirma à TV Unesp o prefeito de Bauru, Clodoaldo Gazzetta.

 

Desenvolvimento

Na ocasião, o ministro Marcos Pontes revelou que Bauru foi escolhida para abrigar o Centro de Tecnologias Assistivas, que estimulará o desenvolvimento de inovações e produtos para melhorar a qualidade de vida das pessoas com deficiência.

“É um projeto do ministério que contará com a participação de empresas locais, prefeituras e universidades. Basicamente, consiste em uma unidade que contém uma incubadora de startups, um escritório de gerenciamento de projetos e um escritório de patentes”, salienta o ministro.

A secretária municipal de Desenvolvimento Econômico, Aline Fogolin, contou que Bauru foi escolhida por uma multinacional para abrigar o espaço municipal de inovação e tecnologia. “Nós fomos selecionados por uma empresa que quer investir em um projeto de educação e tecnologia com foco em empreendedorismo. A ideia é que, nesse espaço, estudantes, todo o pessoal da academia, empresas e profissionais liberais possam se utilizar do local para fazerem seus projetos”, diz à TV Unesp.


Comentários

Nota Importante: O Portal Garça Online abre espaço para comentários em suas matérias, mas estes comentários são de inteira responsabilidade de quem os emite, e não expressam sob nenhuma circunstância a posição/opinião oficial do Portal ou qualquer de seus responsáveis em relação aos respectivos temas abordados.