Lucas Dias
27/08/2018
Garça Esporte 

Pé de Cana empata em Lupércio por: Tico Cassolla

Ainda não foi desta vez que o supermaster do Pé de Cana conseguiu a primeira vitória.

Anúncio

Ainda não foi desta vez que o supermaster do Pé de Cana conseguiu a primeira vitória. Na quinta apresentação, na tarde deste sábado, jogando no Estádio Municipal “João Pereira da Silva”, em Lupércio, o Pé de Cana acabou empatando pelo placar de 1 a 1 contra o supermaster de Lupércio. Até agora o time garcense soma 5 jogos, com 3 derrotas e 2 empates.        

                   A grande dificuldade do Pé de Cana foi colocar a equipe em campo. Em Lupércio foram somente 11 jogadores, devido a ausência de Celino, Chicão, Buratinho e Neto, este contundido. Com isto o time jogou bastante improvisado.

Mesmo assim soube como se portar, jogando bem fechado, esperando o Lupércio em seu campo. Num contra ataque abriu o marcador: o lateral Jorge Tisso avançou pelo lado direito, e fez um belo passe para Tico Cassolla, que na saída do goleiro Guininho tocou a bola no canto. Pouco tempo depois, o lateral esquerdo Fábio, ao disputar a bola com um adversário, se machucou e teve de sair. Sem opções no banco, o Pé de Cana passou a jogar com um a menos. Até que numa atitude digna de fayr play, o o Lupércio “emprestou” o zagueiro Negão para o time garcense.

O Lupércio aos poucos foi mandando nas ações em campo, tendo um maior domínio e com mais posse de bola. Ainda no final do primeiro tempo empatou através de Mauricio.

Na etapa complementar, o técnico Adriano promoveu várias alterações no Lupércio. O time continuou dominando o jogo, mas dificilmente chegava no gol defendido pelo goleiro Lí. O Pé de Cana procurou tocar mais a bola e segurar o resultado. O empate acabou sendo o resultado justo. Excelente  a arbitragem do jovem Michel, que com muita tranquilidade comandou o jogo, sendo respeitado pelos jogadores das duas equipes.


                                            EQUIPES:


Pé de Cana: Lí; Jorge Tisso, Ariel, José e Fábio; Tonho Alves, Jabú, Zanon e

                     Paulo; Pedro Soares e Tico Cassolla

                     Técnico: Neto                 

Lupércio: Guininho; Zé Cícero, Dú, Moreno e Ismail; Bóde, Tchico, Bóde e Maurício; Marinho e Clarindo.

                  Técnico: Adriano, que contou ainda com Jainer, Agenor, Nézinho,

                   Sampaio, Fio, Renato Kemp e Zézão.


Recepção x trucada: Não poderia ter sido melhor a recepção do time de Lupércio aos garcenses, tendo a frente o técnico Adriano e seu pai Marinho.  Não só dentro de campo, como foram também. Após o jogo uma tradicional costela de ripa gaúcha, com direito a farofa, mandioca e alface. Além de cerveja gelada e refrigerantes. Entre “um gole e outro”, houve o desafio da trucada. Nesta os lupercenses derrotaram com tranquilidade os garcense com folga, no grito, zape e sete copas. A revanche deverá acontecer no próximo mês de setembro, no Módulo Esportivo “Pedro Alves Neto”.


Comentários

Nota Importante: O Portal Garça Online abre espaço para comentários em suas matérias, mas estes comentários são de inteira responsabilidade de quem os emite, e não expressam sob nenhuma circunstância a posição/opinião oficial do Portal ou qualquer de seus responsáveis em relação aos respectivos temas abordados.