01/12/2017

Santa Casa entrega dia 8 Sala de Estabilização e novos equipamentos

Acontecerá sexta-feira, dia 8, às 14 horas, na Santa Casa de Garça, cerimônia simbólica de entrega oficial da Sala de Estabilização de pacientes graves e também mobiliários, aparelhos e novos equipamentos. Tudo isso frutos do repasse de recursos de emendas parlamentares e também doações de cidadãos garcenses ao hospital.

A Prefeitura Municipal de Garça, por meio dos interventores nomeados com a anuência da Diretoria Executiva e conselhos do hospital, da segunda quinzena de setembro para cá tem procurado realizar um trabalho não somente de garantia dos serviços de saúde que a instituição já vinha oferecendo, mas promover diversas melhorias, sob vários aspectos.

Os recursos, da ordem de cerca de R$ 1,4 milhão, cujas emendas são de iniciativa dos deputados Antonio Carlos Mendes Thame, Marco Feliciano, Paulo Maluf, Jorge Tadeu Mudalen e Evandro Gussi, somados a doações repassadas por cidadãos da cidade, que apoiam a manutenção e ampliação da qualidade dos serviços historicamente oferecidos pelo hospital, vêm oferecer novas perspectivas de melhorias.

“Foram adquiridas várias camas hospitalares, poltronas, armários, escadinhas, além de aparelhos diversos e até um novo gerador de energia que está para ser entregue. Neste momento, o destaque fica para todo material ou equipamento que contemplam a parte de internação. O mobiliário tem sido substituído gradativamente, para podermos oferecer uma assistência de qualidade a esse paciente que permanece internado em nossa instituição, informou a secretária municipal de Saúde, Nátalli Gaiato Cruz.

Segundo a secretária, mediante todos esses materiais adquiridos, também foi possível a criação de dois leitos de estabilização – a Sala de Estabilização. Detalhou de que se trata de dois leitos hospitalares que são contemplados com aparelhos e insumos e com todo o suporte para receber o paciente de uma situação grave de saúde e assim mantê-lo estabilizado dentro do hospital.

“Foram adquiridos respiradores bombas de infusão, cardioversor, dentre outros que compõem esses leitos de estabilização. Já estão em fase final de instalação justamente para proporcionar melhoria no atendimento daquele que por ventura, num agravo de saúde, tenha de permanecer internado”, acrescentou Nátalli Cruz. Ela garante que o aspecto “humanização” é algo que está na pauta diária de trabalho das equipes da Santa Casa.

“Com a intervenção pudemos perceber que o convívio, o contato, as conversas, a Educação Permanente e de vários pontos que por alguma razão ficaram estacionados, tudo isso está voltando, sendo retomado. E mais: a equipe da Santa Casa está buscando cada vez mais interagir em relação ao processo de trabalho e à busca de novos conhecimentos – tanto a equipe de ponta como a Enfermagem, quanto a Recepção, Manutenção, as meninas da Copa, Limpeza, o RH... Percebemos que todo o quadro de funcionários da Santa Casa está diferente, ou seja, em conjunto com todos os propósitos os quais viemos tentar deslanchar no hospital. E eu percebo que com os interventores e com essa política de retomada de decisões, de ações e de prestação de serviços com maior qualidade, o hospital está se sobressaindo”, comemorou a secretária.

 

 

SUPORTE NECESSÁRIO – A secretária de Saúde salientou que uma equipe exclusiva estará à disposição para oferecer o suporte à Sala de Estabilização e que constatará de um médico presencial, de enfermeira e dos técnicos de enfermagem. “E quando esses leitos começarem a se efetivar, um médico presencial dentro da Santa Casa estará à disposição dessa população que eventualmente possa necessitar desses leitos como retaguarda. Esse profissional será peça-chave para qualidade e melhoria da assistência”

Nátalli Cruz falou ainda mais sobre todos os benefícios que isso tudo traz aos pacientes e acompanhantes. “Todos esses materiais que citamos e vieram por conta dessa aquisição das emendas parlamentares, e também o que está sendo utilizado em benefício da população doado por cidadãos de Garça, somados a uma assistência que hoje está munida de protocolos, de fluxos estabelecidos, entre hospital, UPA (Unidade de Pronto-Atendimento) e Atenção Básica (UBS-Unidades Básicas de Saúde) e Centro de Especialidades – “Postão”) –   todo isso que vem sendo ´redesenhado´ é para o que mais prezamos: que a assistência de qualidade ao paciente seja executada da melhor maneira possível”.

A secretária anunciou ainda novidades para as próximas semanas e meses. Disse que está em estudo que caminha para a sua conclusão a “Visita em Horário Estendido”, que vai proporcionar aos familiares dos pacientes maior vínculo, tanto com a equipe, como maior preparo dos cuidadores para a alta qualificada dos pacientes. “Esse novo horário virá para prover um pouco mais de conforto, tanto à família que hoje fica angustiada em casa esperando notícias, quanto para a recuperação do paciente que aqui permanece internado”. 

 

SEMI-INTENSIVA – A Sala de Estabilização foi uma grande conquista para o hospital, segundo Renata Ribeiro Branco, também nomeada recentemente interventora para a Santa Casa de Garça. “Não tínhamos um quarto para estabilizar um paciente que evolui com a gravidade da sua patologia e ficávamos no aguardo de sair vaga em centros que atendem alta complexidade. Temos agora um quarto de estabilização, com equipamentos de uma Unidade de Terapia Semi-intensiva, com os medicamentos necessários para oferecermos os primeiros recursos para esse paciente seguir para a alta complexidade estabilizado”, explicou.

Ela disse ainda que o local também vem em benefício ao pós-cirúrgico, porque por vezes há pacientes que saem de uma cirurgia de grande porte e necessitam ser monitorados, com medicação de bomba de infusão e que tenha de ser controlada. “É um benefício a mais a esses pacientes”.

“Foi um grande passo o início do trabalho da intervenção. Teremos nos próximos dias, médico durante 24 horas no hospital, o que traz mais segurança para a família e para os funcionários que aqui trabalham, pois qualquer intercorrência, teremos o médico presente, dentro do hospital. Passamos a ter leitos mais confortáveis e mais humanizados aos pacientes”, salientou a interventora.  

Para Renata Branco, a intervenção está caminhando para melhorar os serviços que a Santa Casa está prestando à população. A gestão hoje da Santa Casa poderá resultar, além do que foi citado, afirmou ela, em mais cirurgias dentro do hospital, mais internações tanto SUS como convênios e particulares. “Isso é para benefício da entidade. Estamos lutando para que este seja um hospital de referência regional e esse trabalho que estamos realizando, envolve o pessoal de dentro do hospital – os funcionários – que estão acreditando que estamos dando um impulso para que sejamos mesmo um hospital de referência”. (Textos e fotos enviados pela Santa Casa de Garça - Estas e outras informações e galeria de fotos completas sobre o hospital no www.hsl.med.br/ facebook/santacasagarca e Maternidade Santa Casa de Garça)

 

 

 

 

AQUISIÇÕES E SERVIÇOS

Aparelhos e equipamentos adquiridos com recursos de emendas parlamentares

- Aquisição de 01 (um) Grupo Gerador e 04 (quatro) Secadoras de Roupa Hospitalar

- Aquisição de 16 (dezesseis) Mesas de Cabeceira com Refeição; 16 (dezesseis) Camas Hospitalares; 04 (quatro) Suportes de Soro

Aquisição de 02 (dois) Bisturis Elétricos; 02 (duas) Bombas de Infusão; 39 (trinta e nove) Poltronas Hospitalares; 02 (dois) Oxímetros de Pulso

Aquisição de 06 (seis) aparelhos de Ar Condicionado; 02 (dois) Monitores Multiparâmetros; 10 (dez) Camas Hospitalares; 01 (um) Mesa Cirúrgica Elétrica; 01 (um) Sistema de Vídeo Laparoscopia; 01 (um) Ventilador Pulmonar; 01 (um) Foco Cirúrgico de Teto; 05 (cinco) Transiluminadores Cutâneos; 02 (dois) Cardioversores; 01 (um) Mesa Ginecológica Elétrica; 03 (três) Switch; 02 (dois) Incubadoras Neonatal; 01 (um) Ultrassom Radiológico; 05 (cinco) Balanças Tipo Plataforma; 12 (doze) Réguas de Gases; 01 (um) Centrífuga Laboratorial

Diversas doações de terceiros (cidadãos garcenses)

- Vereadora Deise Serapião: Sala de Estabilização – parte estrutural – serviços de alvenaria e pintura:

- Carnês de contribuição mensal: Parte elétrica e luminárias, três lixeiras, um porta-papel-toalha e um porta-sabonete

- Anônimos – R$ 500,00: balcão de mármore e materiais de escritório

 

 

 



 

Comentários

Enviar Comentário

Lojas Garça Online

Tempo Garca